.posts recentes

. O REGRESSO!

. Oh! Oh! Oh! Tá quase! ...

. è nATAL è nATAL

. Alguém sabe dizer: ONDE É...

. Mau Maria!

. Combate aos Incêndios

. Aqui, cada indivíduo, pro...

. A propósito de "Mobilidad...

. Eterna Saudade…

. Onde é que eu já vi isto?...

.arquivos

. Abril 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

Terça-feira, 11 de Dezembro de 2007

Oh! Oh! Oh! Tá quase! Let's Sing!

 

E' Natal

 

 

É Natal, é Natal
Tudo bate o pé
Vamos pôr o sapatinho
Lá na chaminé


Olha o Pai Natal, de barbas branquinhas
Traz o saco cheio de lindas prendinhas

Pai Natal irá trazer brinquedos para nós
Para a Zeca uma boneca, para o Zito um apito
Uma bola para saltar é o que quer o Baltazar.

 

É Natal, é Natal
Tudo bate o pé
Vamos pôr o sapatinho
Lá na chaminé

 

publicado por pesa às 01:27
link do post | comentar | favorito
42 comentários:
De LUSA-ÚLTIMA-HORA a 7 de Março de 2008 às 02:11
Fenprof acusa Sócrates

A Direcção da Central Sindical acaba de emitir comentário onde afirma: Tratar-se esta acção do Governo, # alemães em Gondomar de uma manobra para desviar as atenções do pais para a grande mobilização de professores que esta programada para o preoximo sábado 8 de Março. Faz tambem saber que está atenta a todas as tentivas de possiveis sardinhadas que possam afetar as atenções do país assim como a mobilizalção dos profesores
A Fenprof está mesmo a equacionar uma marcha alternativa com partida de Gaia até á TdO, com possiveis paragens pelo caminho para comicios com febras e até frangos assados. Questionada a Central sobre a possibilidade de haver um comicio com Lampreia. esta respondeu: não está ainda programado nesta jornada de luta. no entanto não pomos de parte recorrer á lampreia em futuras jornadas. a Vontade dos professores falara sempre mais alto.
De LUSA-ÚLTIMA-HORA a 7 de Março de 2008 às 02:29
ASAE visita TdO

Enconta-se marcada para hoje na agenda da ASAE, uma visita á TdO, tendo como objectivo inspecionar as condições em que está a ser distribuida a água nas suas instaçãoes. A empresa obtou á já alguns anos po bebedouror comuns onde os operários se abastecem em pequenas doses.Segundo a ASAE tal pratica vai de encontro a lei, pois todas as pessoas independetemente da sua raça, credo ou religião devem ter quando solicitado direito a uma dose minima de 33 cl, mesmo que a sua necessidade não corresponda a tal quantidade. Fernando Morfa em representação dos trabalhadores, diz já ter establecido contactos com a empresa de forma a que esta dose minima exigida seja fornecida pela empresa. em causa estão os enormes custos recorrentes do uso de garrafas não recuperaveis e pricipalmente da rolha
cujos custos de reciclagem se tornam exagerados aquando da troca por uma cadeira de rodas.

Comentar post

.Abril 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds